Simplesmente-Única

"O vento só leva quem se deixa levar" (Rose Felliciano)

Meu Diário
16/09/2011 20h56
ARROGÂNCIA

"Um fato que sempre me intriga: 

São as pessoas que "se acham"

Que estão sempre perdidas..." (Rose Felliciano)


Publicado por Rose Felliciano em 16/09/2011 às 20h56
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Você deve citar a autoria de Rose Felliciano e o site www.rosefelliciano.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
26/07/2011 13h41
REMANSO

 

"É tanto desejo que em meu peito cabe

Cuja intensidade, se comparada fosse à ventania,

A tornaria a brisa mais calma...

Se comparada ao mar, este seria apenas remanso

Onde as gotas de saudades descanso

Aliviando assim, a minha alma..." (Rose Felliciano)

 


Publicado por Rose Felliciano em 26/07/2011 às 13h41
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Você deve citar a autoria de Rose Felliciano e o site www.rosefelliciano.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
26/07/2011 13h39
IMENSO É MEU CORAÇÃO...

 

"O Oceano é tão pequeno

Diante do amor que tenho

Que chega a ser uma gota,

Comparado ao meu desejo,

O mar que agora eu vejo...

- Imenso é meu coração!"(Rose Felliciano)


Publicado por Rose Felliciano em 26/07/2011 às 13h39
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Você deve citar a autoria de Rose Felliciano e o site www.rosefelliciano.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
22/07/2011 15h19
O MAIS BELO ESPETÁCULO

 

"Gosto da melodia do silêncio

Gosto do vento que sopra nas madrugadas frias

E descortinam as nuvens anunciando a aurora.

Hora dos melhores acordes

Os sons dos anjos anunciando um novo dia!

Quem diria...Poucos percebem a musicalidade.

Muitos dormem neste horário.

Cadeira vazia

Na hora do mais belo espetáculo..." (Rose Felliciano)


Publicado por Rose Felliciano em 22/07/2011 às 15h19
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Você deve citar a autoria de Rose Felliciano e o site www.rosefelliciano.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
22/07/2011 13h36
POBRE HOMEM...

"Álamos sedentos

De raízes profundas e largas

Enfrentam o vendaval.

Diferente do homem

Que perde as suas raízes

E na mais simples brisa são levados.

Sua maior valentia são os machados

Que cortam, sem defesa,

A natureza...." (Rose Felliciano)


Publicado por Rose Felliciano em 22/07/2011 às 13h36
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Você deve citar a autoria de Rose Felliciano e o site www.rosefelliciano.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.



Página 10 de 19 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 » [«anterior] [próxima»]

Site do Escritor criado por Recanto das Letras